Leandra Leal fala das cenas de sexo em novo filme: “Nada foi gratuito”

0

Leandra Leal acaba de estrear Love film festival, drama romântico em que vive uma roteirista que se apaixona por um ator, interpretado por Manolo Cardona, um dos atores mais populares da Colômbia. “Como filmamos em diversos festivais pelo mundo, o filme levou bastante tempo, um total de seis anos, para ser feito. Foi curioso chegar a ter um intervalo de dois anos entre uma cena e outra”, explica a atriz, que conheceu seu parceiro de cena na hora de rodar o primeiro take. “Nem sequer dei um Google no nome dele antes”, afirma Leandra.

Leandra Leal e Manolo Cardona interpretam um casal de jovens cineastas em Love film festival (Foto: Divulgação)

A atriz conta outra curiosidade da produção. “Toda a equipe, incluindo o elenco, tem dez pessoas. E, como viajamos muito, todo mundo teve de desempenhar mais de uma função e ser um pouco produtor do filme também. Com o tempo, viramos uma família mesmo”, diz a atriz. Prestes a fazer 35 anos em setembro, Leandra diz que tirou de letra as cenas de sexo que filmou ao lado de Manolo.

“É uma história de amor, então elas estavam no contexto. Nada foi gratuito.” A atriz e diretora ainda colhe bons frutos pelo documentário Divinas divas, que, dirigido por ela, conta a história da primeira geração de artistas travestis no país. Ela se debruçará em breve sobre outro projeto que vai dirigir no cinema. “Está tudo muito no começo, ainda não sei ao certo o que vai ser.”

Época/Bruno Astuto
Compartilhe

Deixe um comentário