Uso de carros oficiais deve passar por forte restrição no âmbito federal

0

da Redação
focus@focus.jor.br

Caminha rápido para aprovação no Senado o projeto que restringe severamente o uso de carros oficiais. O texto já passou pela Câmara dos Deputados, foi aprovado nesta quarta-feira, 25, pela Comissão de Constituição e Justiça do Senado e segue para o plenário da Casa.

De autoria do deputado Pedro Cunha Lima (MDB-PB), a proposta veda o uso de automóveis, por exemplo, por titulares de cargo ou mandato eletivo, magistrados federais, membros do Ministério Público Federal, do TCU, da Advocacia da União e da Defensoria Pública da União.

Assim, fica limitado o uso dos veículos à Presidência e Vice-Presidência da República, à Presidência do Senado e à Presidência da Câmara dos Deputados, à Presidência do Supremo Tribunal Federal, aos ministros de Estado, aos comandantes das forças militares e ao chefe de Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas.

Comentários

Compartilhe

Deixe um comentário