Ouvir Rádio: Rádio Senado / Universitária FM 107.9 Fale Conosco

App desenvolvido no Ceará ajuda produtores a manter alimentação para rebanhos durante estiagem

0

Para auxiliar produtores de rebanho em Sobral, no Norte do Ceará, a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) Caprinos e Ovinos desenvolveu, em parceria com a Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), um aplicativo para celulares e tablets com o objetivo de ajudar a monitorar e contabilizar a quantidade de forragem disponível para alimentação de rebanhos.

A ferramenta digital e gratuita, batizada de Orçamento Forrageiro, auxilia, ainda, no fornecimento de outros dados, como a estimativa de consumo de cada rebanho, para estimar, mês a mês, se há sobra ou déficit de forragem nas propriedades.

A zootecnista Ana Clara Cavalcante detalha que, com uso do aplicativo, é possível caracterizar as fontes de alimentação disponíveis na propriedade rural e obter diagnósticos para saber se esses recursos forrageiros serão suficientes para os animais ao longo do ano.

“O importante é que ele seja usado como ferramenta de planejamento para que, quando comece o período seco, o produtor já tenha reserva de alimentos preparada”, reforça a pesquisadora da Embrapa.

Outras funcionalidades

O aplicativo possibilita ainda que o usuário faça simulações sobre as condições de reserva alimentar para períodos futuros. Ao disponibilizar fotos de plantas forrageiras na época chuvosa, é possível comparar com a situação da propriedade rural e, ao inserir dados do rebanho e características da produção, se chegar a diagnósticos que orientem as tomadas de decisão.

O aplicativo possibilita ainda que o usuário faça simulações sobre as condições de reserva alimentar para períodos futuros — Foto: Helene Santos/ SVMO aplicativo possibilita ainda que o usuário faça simulações sobre as condições de reserva alimentar para períodos futuros — Foto: Helene Santos/ SVM

O aplicativo possibilita ainda que o usuário faça simulações sobre as condições de reserva alimentar para períodos futuros — Foto: Helene Santos/ SVM

Desta forma, a Embrapa destaca a importância de os produtores terem atenção ao planejamento alimentar ao longo de todo o ano, inclusive, e sobretudo, durante o período chuvoso, que ocorre entre os meses de fevereiro e maio, no Ceará.

“Antes de começar este período seco, no final do ano, você já deve se preparar para o ano seguinte. Se o produtor se prepara com antecedência, vai economizar na gestão de sua propriedade”, frisa a pesquisadora.

Já para quem não se preparou para fazer reserva alimentar, a alternativa acaba sendo recorrer a outras fontes de forragem, que tendem naturalmente a ficar mais caras. “Geralmente, muitos produtores só começam a se preocupar neste período seco, uma época em que não dá mais para fazer silagem, para plantar ou colher. Aí ficam em dependência muito grande da compra de forragem de outras regiões que, nesta época, têm preço mais elevado”, pondera Ana Clara.

Melhorias no app

Para o próximo ano, os desenvolvedores do aplicativo, que já teve mais de mil downloads, sugerem uma ampliação na funcionalidade da ferramenta digital. A expectativa é que ele indique opções de forragem mais adequadas às condições locais, auxiliando no planejamento e gestão forrageira da propriedade de forma mais personalizada.

Por André Costa, G1 CE

Compartilhe

Deixe um comentário