Ouvir Rádio: Rádio Senado Fale Conosco

as campeãs com Marquezine, Tatá e Anitta

0

É o momento mais esperado do ano. Quem é a nova campeã das 100+? Quem ficou em qual das 99 colocações restantes? Quais as surpresas da lista? Para a redação da VIP e para os leitores, é um ritual que se repete anualmente desde aquela primeira eleição, em 1998. Cada lista gera suas discussões sobre injustiçadas, posições altas ou baixas demais… Mas contentes e descontentes querem conferir o resultado final. Abaixo, a vencedoras de 10 a 2:

#10 Yasmin Brunet

↑ Subiu; Em 2015: 30º; 6x na lista
A modelo é um exemplo de quem usa a popularidade nas redes sociais para fazer seu público pensar. Entre uma foto ou uma dica fashion, Yasmin advoga dieta vegana, combate bullying e defende direitos das mulheres. Engajamento é com ela.
#9 Tatá Werneck

+ Estreia
A capa dela para a edição de julho da VIP revelou uma mulher bonita e muito sensual. Uma mulher que estava oculta do público pela abordagem humorística que Tatá sempre teve em seu trabalho – primeiro, na MTV; ultimamente, em novelas da Globo. Seu ensaio foi digno de sorrisos de satisfação.
#8 Yanna Lavigne

+ Estreia
Tivemos um 2016 repleto de grandes capas. A de Yanna na edição de março foi uma delas. A beleza vinda de uma combinação de mãe baiana com pai descendente de japoneses é hipnótica. E pôde ser apreciada por telespectadores da Globo em duas obras exibidas em fins de noite: na minissérie Ligações Perigosas e na novela Liberdade, Liberdade.
#7 Cleo Pires

↑ Subiu; Em 2015: 65º; 12x na lista
A conhecida sensualidade natural desta estrela rendeu imagens provocantes – e nunca vulgares nem explícitas – em seu perfil do Instagram. E 3 milhões de seguidores dela na rede social fotográfica aprovaram. Sempre inconformista em seu visual, Cleo apareceu com dreadlocks na série Supermax, que estreou na Globo em setembro.
#6 Alinne Moraes

↑ subiu; Em 2015: 29º; 14x na lista
Ela é a segunda campeã mais nova da história das 100+. Tinha 20 anos e 11 meses na edição de 2004 e só foi superada nesse quesito, uma década depois, por Bruna Marquezine (19 anos). O encanto dos leitores por Alinne parece seguir intacto desde aquele triunfo, como sua votação indica.
#5 Anitta

↓ Desceu; Em 2015: 1º; 4x na lista
A campeã do ano passado deixa o pódio. Só não se pode dizer que ela perdeu popularidade. Seu clipe da música Essa Mina É Louca, que entrou no YouTube em janeiro, teve 129 milhões de visualizações. Foi o mais visto clipe brasileiro lançado em 2016 (ah, o 2º e o 3º mais vistos também são dela). E pegaria o 5º lugar se entrassem os clipes das cantoras internacionais das 100+.
#4 Paolla Oliveira

↓ Desceu; Em 2015: 3º; 10x na lista
Num ano em que não fez novela nem minissérie, a campeã de 2013 ainda conseguiu uma quantidade de votos suficiente para mantê-la perto do topo. A única novidade foi o filme Em Nome da Lei, em que ela foi uma procuradora de Justiça. Em 2017, a próxima missão de Paolla na Globo será viver uma policial na novela À Flor da Pele, a próxima novela das 9.
#3 Sandy

↑ Subiu; Em 2015: 24º; 18x na lista
Ela é uma obsessão benigna dos leitores e está nas 100+ há 18 edições seguidas. Porém, nunca aceitou os convites da VIP para ser nossa capa. Diga-se: suas recusas sempre foram com a delicadeza e a educação típicas dela. Até pensávamos que o fascínio por Sandy estava mais tênue. Mas a votação enorme provou que estávamos enganados.
#2 Bruna Marquezine

– Na mesma; Em 2015: 2º; 4x NA LISTA
Por pouco não houve o bi da campeã de 2014, num ano em que muita coisa aconteceu a ela. Inclusive um ensaio de retomada do namoro com Neymar em plena final do futebol nas Olimpíadas no Maracanã. E, em outubro, um triângulo amoroso com direito a cena de beijo lésbico na minissérie Nada Será Como Antes, da Globo – que só entrou no ar quando nossa votação já havia acabado havia um tempão.
Compartilhe

Deixe um comentário