Ouvir Rádio: Rádio Senado Fale Conosco

Banhistas desrespeitam decreto de isolamento social e se reúnem nas areias na Praia do Futuro, em Fortaleza

0

Muitas pessoas circularam ou permaneceram na faixa de areia, sem respeitar o distanciamento e o uso de máscaras para prevenir o contágio do coronavírus.

A orla da Praia do Futuro, em Fortaleza, recebeu dezenas de frequentadores neste domingo (18). Visitantes e banhistas foram vistos ocupando os espaços sem respeitar as medidas de distanciamento social e, em alguns casos, sem fazer o uso da máscara de proteção.

Mais próximo à beira do mar, crianças e adultos jogavam bola, e nenhum dos participantes utilizava máscara no momento.

Policiais militares fiscalizam areias da Praia do Futuro, em Fortaleza. — Foto: PMCE/Reprodução

Policiais militares fiscalizam areias da Praia do Futuro, em Fortaleza. — Foto: PMCE/Reprodução

O atual decreto estabelece isolamento social rígido aos fins de semana, com funcionamento apenas de atividades essenciais.

O decreto proíbe “aglomeração e circulação de pessoas em espaços públicos ou privados, tais como praias, praças, calçadões, salvo no caso de deslocamentos imprescindíveis ou para acessar atividades essenciais”

Homens da Polícia Militar estiveram na praia para evitar que as pessoas continuassem desrespeitando as medidas estaduais.

Conforme o IntegraSUS, plataforma da Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa), Fortaleza apresenta 190.082 casos confirmados de Covid-19. O número de óbitos em decorrência do novo coronavírus, na capital cearense, é de 7.028. Atualizada às 14h51 deste domingo.

Crianças jogam bola com adultos. Todos sem o uso da máscara de proteção.  — Foto: Fabiane de Paula/Sistema Verdes Mares

Crianças jogam bola com adultos. Todos sem o uso da máscara de proteção. — Foto: Fabiane de Paula/Sistema Verdes Mares

Movimentação intensa de banhista na Praia do Futuro neste domingo (18) em Fortaleza. — Foto: Fabiane de Paula/Sistema Verdes Mares

Movimentação intensa de banhista na Praia do Futuro neste domingo (18) em Fortaleza. — Foto: Fabiane de Paula/Sistema Verdes Mares

Novo decreto estadual

Neste sábado (17), governador Camilo Santana (PT) anunciou, que o decreto de isolamento social vigente no Ceará será prorrogado por mais sete dias. As atividades físicas realizadas em espaços públicos, cuja liberação foi autorizada pelo governo do estado do Ceará a partir da próxima segunda-feira (19),podem ocorrer com até três pessoas – inclusive e o uso de máscara de proteção. Uma das pessoas pode ser um preparador físico.

No documento, porém, as mesmas atividades estarão proibidas de serem realizadas durante o toque de recolher (entre 20h e 5h) e no fim de semana. Aos sábados e domingos, ocorre em todo o Ceará o isolamento social rígido. Durante a sua vigência, devem funcionar apenas os serviços essenciais (como supermercados, farmácias e hospitais), e a circulação de pessoas é proibida, com exceção daqueles que precisam se deslocar para atividades essenciais.

Na segunda-feira (12), a gestão estadual começou a permitir a reabertura da economia, com determinações específicas e protocolos de segurança sanitária. Neste fim de semana, porém, não há alterações. (veja abaixo o que pode funcionar a partir de segunda-feira).

Construção civil

Além disso, o governo do Ceará também autorizou que a cadeia da construção civil estendesse o horário de atividades, iniciando a partir de 7h, na próxima segunda-feira (19). No decreto que ainda está em vigência, esse setor da economia poderia iniciar os trabalhos a partir de 8h.

O que prevê o decreto estadual a partir de segunda:

  • O isolamento social rígido continuará vigente aos fins de semana.
  • Haverá toque de recolher diariamente, das 20h às 5h;
  • Escolas autorizadas a funcionar, com até 35% da capacidade, para Educação Infantil (4 e 5 anos) e 1º e 2º anos do Ensino Fundamental;
  • Igrejas autorizadas para atividades presenciais com 10% da capacidade;
  • Atividades comerciais detalhadas no texto do decreto no Diário Oficial do Estado poderão funcionar com até 25% da capacidade, em horários diferenciados, das 10h às 16h ou das 12h às 18h. Dentre elas: comércio de rua (10h às 16h) e shopping (12h às 18h), restaurantes de rua (10h às 16h) e de shopping (12h às 18h);
  • Construção civil pode iniciar atividades a partir de 8h;
  • Atividades físicas individuais dentro do horário permite e com máscara.

Na sexta-feira (16) o governador se reuniu com o comitê que delibera sobre as ações de combate a Covid-19 no Estado. “Toda semana o Comitê se reúne, onde nós avaliamos os números e toda semana é feito um relatório que subsidia o decreto no Ceará”, disse Camilo.

G1 CE

Compartilhe

Deixe um comentário