Ouvir Rádio: Rádio Senado Fale Conosco

Bolsonaro diz que Ford não disse a verdade sobre saída do Brasil: ‘querem subsídios’

0

Equipe Focusfocus@focus.jor.br

O presidente da República Jair Bolsonaro ainda não havia se manifestado a respeito do anúncio do fechamento das fábricas da Ford no País. Mas, nesta segunda-feira, um dia após o comunicado da montadora, Bolsonaro comentou a decisão e disse que a empresa não disse a “verdade”: “querem subsídios”, afirmou.

A Ford anunciou, na segunda-feira, 11, que irá fechar todas as suas unidades no País, encerrando a produção de automóveis em Camaçari (Bahia), Taubaté (São Paulo) e Horizonte. A fábrica cearense é responsável pelo veículo 4×4 Troller T4. Ao todo, 5 mil pessoas serão desligadas das unidades da companhia norte-americana.

Na já tradicional conversa diária com apoiadores na saída da residência oficial do Palácio da Alvorada, o presidente declarou que lamenta os 5 mil empregos perdidos e questiona o fato de a empresa não falar que o país gerou 414 mil empregos. Bolsonaro ainda disse que não vai continuar dando o subsídio. “Não. Perdeu a concorrência. Lamento”.

Leia também:
+ Ford anuncia encerramento de fábricas no País; unidade de Horizonte fecha no 4º trimestre de 2021
+ De forma melancólica, Ford encerra produção do Troller T4 no Brasil
+ Após saída da Ford, Bahia já busca investidores chineses para fábrica
+ Ford quer vender operação da Troller em Horizonte, diz revista

“Lamento os 5 mil empregos perdidos. Agora a empresa não fala que em novembro nós criamos 414 mil empregos. E estamos perdendo 5 mil agora. Repito: lamento. Mas o que a Ford quer? Faltou a Ford dizer a verdade: querem subsídios. Vocês querem que eu continue dando R$ 20 bilhões para eles como fizeram nos últimos anos? Dinheiro de vocês, de impostos de vocês, para fabricar carro aqui? Não. Perdeu a concorrência. Lamento”, afirmou Bolsonaro .

Compartilhe

Deixe um comentário