Brasil tem 1,7 mil casos confirmados e 9 mortes devido ao sarampo, diz ministério

0

O Ministério da Saúde divulgou nesta quarta-feira (19) os dados mais recentes sobre o sarampo no Brasil. Até a segunda-feira (17), o país teve 1.735 casos confirmados e nove mortes devido à doença. Outros 7.812 registros ainda são investigados pelos órgãos de saúde.

Os estados do Amazonas e de Roraima são os únicos que apresentam surto. Eles são responsáveis por 1.358 (72%) e 310 (17%) dos 1,7 mil casos confirmados, respectivamente.

Casos confirmados de sarampo até esta segunda-feira (17)

ESTADO CASOS CONFIRMADOS
Amazonas 1.358
Roraima 310
São Paulo 2
Rio de Janeiro 18
Rio Grande do Sul 24
Rondônia 2
Pernambuco 4
Pará 13
Sergipe 4

Entre as nove mortes confirmadas, quatro ocorreram em Roraima (três estrangeiros e um brasileiro) e quatro no Amazonas (todos brasileiros, sendo dois de Manaus e dois de Autazes). Apenas uma morte foi registrada no Pará (indígena Venezuelano).

A Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite e o Sarampo terminou na sexta-feira (14). Mais de 95% das crianças de a 1 a 5 anos foram imunizadas. Independente disso, as vacinas contra as duas doenças estarão disponíveis no Sistema Único de Saúde (SUS) durante o ano inteiro.

Quem pode tomar a vacina?

Pessoas de todas as idades, diz Isabela Ballalai, da Sociedade Brasileira de Imunizações (SBim). O Ministério da Saúde, no entanto, disponibiliza duas doses para os indivíduos entre 12 meses e 29 anos. Na rede pública, também é possível a vacinação gratuita até os 49 anos (nesse caso, uma dose é administrada).

“Os indivíduos acima de 50 anos provavelmente já pegaram a doença e já estariam imunizados pelas altas taxas de vacinação nos mais jovens. Mas nada impede que procurem a vacina individualmente”, afirma Isabela.

Quem não pode tomar a vacina?

Gestantes, casos suspeitos de sarampo, crianças menores de seis meses de idade e pessoas imunocomprometidas (com doenças que abalam fortemente o sistema imune) .

A vacina é segura?

Sim, afirmam o Ministério da Saúde e a SBim (Sociedade Brasileira de Imunizações). Ela é feita de vírus atenuado (enfraquecido) e em décadas de imunização no mundo inteiro, apenas casos de alergia a produtos do leite contidos na vacina foram reportados.

Hoje, no entanto, há vacinas sem traços de lactoalbumina (proteína do leite da vaca).

Não lembro se tomei a vacina. Devo tomar?

“No sinal de qualquer dúvida sobre se tomou a vacina ou não, ou se teve a doença no passado, vale tomar a vacina. Na pior das hipóteses, a pessoa vai se imunizar à toa”, diz Isabela Ballalai.

Entenda o que é sarampo, quais os sintomas, como é o tratamento e quem deve se vacinar — Foto: Infografia: Karina Almeida/G1 Entenda o que é sarampo, quais os sintomas, como é o tratamento e quem deve se vacinar — Foto: Infografia: Karina Almeida/G1

Entenda o que é sarampo, quais os sintomas, como é o tratamento e quem deve se vacinar — Foto: Infografia: Karina Almeida/G1

Compartilhe

Deixe um comentário