Ceará tem 1.626 homicídios em 4 meses, 20% a mais que em 2017

0

O Ceará acumula 1.626 homicídios de janeiro a abril deste ano, uma média de 13,5 assassinatos por dia, conforme dados divulgados nesta sexta-feira (11) pela Secretaria de Segurança Pública. Em abril, foram 368 mortes violentas, 10 a menos que no mesmo mês de 2017.

Conforme a Secretaria da Segurança, o número de homicídio em abril teve redução em Fortaleza e no Interior Sul, mas teve alta na Região Metropolitana e Interior Norte. “Foram ações que fizemos como teste em Fortaleza inicialmente e que estão dando certo. A gente quer agora levar para a Região Metropolitana e outras regiões do estado”, colocou o secretário da Segurança, André Costa.

Número de assassinatos em abril no Ceará

Região Homicídios em abril de 2017 Homicídios em abril de 2018 Variação
Fortaleza 141 120 -14,9%
Região Metropolitana 78 104 33,3%
Interior Norte 70 75 7,1%
Interior Sul 89 69 -22,5%
CEARÁ 378 368 -2,6%

Entre os casos de violência que chocaram a população do estado em abril estão o assassinato da estudante Cecília Rachel, de 22 anos, quando dirigia um veículo trabalho, e o latrocínio que vitimou o diretor do Fortaleza Esporte Clube Beto Studart, atingido por três tiros na saída de um banco.

Número de assassinatos por mês no Ceará
(Número de abril de 2018 é parcial)
2015201620172018JaneiroFevereiroMarçoAbrilMaioJunhoJulhoAgostoSetembroOutubroNovembroDezembro200300400500600
Fonte: SSPDS

André Costa também explicou a estratégia atualmente utilizada pela Secretaria da Segurança na busca por diminuir a abrangência da criminalidade. “Depois que conseguimos fazer um controle da mobilidade do crime, a gente conseguiu otimizar os recursos e concentrar em áreas mais perigosas. Áreas que em 2017 tiveram uma maior taxa de letalidade, o que acabou elevando o número de homicídios na capital, de disputa de grupos criminosos. Essas áreas agora não estão com mais nenhum grupo. Estão com a própria comunidade, garantidas pela polícia com presença maciça e permanente”, disse.

Os dados divulgados nesta sexta-feira não incluem assasssinatos ocorridos dentro de presídios nem pessoas mortas por ação policial. Conforme dados obtidos pelo G1, 161 pessoas foram mortas por policiais no Ceará em 2017.

Compartilhe

Deixe um comentário