Ouvir Rádio: Rádio Senado | Rádio Câmara Fale Conosco

Ceará terá drones para fiscalizar crimes eleitorais no 1º turno das eleições

0

Equipamento será usado para identificar suspeitos, placas de veículos e entregas de santinhos.

Polícia Federal vai coibir crimes como transporte ilegal de eleitores, boca de urna, compra de votos, entre outros.   — Foto: Reprodução/TV Verdes Mares

Polícia Federal vai coibir crimes como transporte ilegal de eleitores, boca de urna, compra de votos, entre outros. — Foto: Reprodução/TV Verdes Mares

Seis drones vão fiscalizar possíveis crimes eleitorais nas eleições do primeiro turno neste domingo (2) no Ceará. Os equipamentos vão ser utilizados em Fortaleza e Juazeiro do Norte.

De acordo com a delegada e chefe de investigação de crimes eleitorais, Alexsandra Reis, as pequenas aeronaves vão sobrevoar as principais zonas eleitorais para ajudar a Polícia Federal a coibir crimes como transporte ilegal de eleitores, boca de urna, compra de votos, entre outros.

“Nós conseguimos através dos drones nas eleições ter uma maior visualização dos crimes como transporte de eleitores, boca de urna, distribuição de santinhos, e até compra de votos. Qualquer pessoa que quiser denunciar vamos colocar os drones para voar na localidade e havendo a constatação do crime deslocaremos uma equipe para o o local para realizar uma fiscalização.”

 

LEIA TAMBÉM

A Polícia Federal reforça ainda que os drones têm capacidade inclusive para identificar as pessoas, conseguir captar imagens, captar fotografias, de maneira que a gente possa depois em terra buscar aquelas pessoas que estavam cometendo os crimes. Alexsandra Reis diz que a população tanto pode realizar as denúncias para a polícia como também pelo Sistema Pardal do TRE.

“Tanta as denúncias feitas pela população como pelo sistema pardal do TRE serão repassadas pela Polícia Federal e gente tentar coibir os crimes eleitorais”, disse.

Reforço policial

 

Mais de sete mil policiais militares atuarão nas eleições no estado do Ceará. A “Operação Eleição 2022” da Polícia Militar iniciou nesta quarta-feira (28), com o embarque da tropa que servirá de reforço ao efetivo do interior do estado.

Ao todo, serão 7.114 policiais militares trabalhando no domingo, quando ocorre o 1º turno. A população contará com o reforço de 1.121 agentes de segurança no interior e Região Metropolitana e 1.618 na capital.

Conforme a PM, o plano de segurança tem por finalidade garantir o pleno exercício de cidadania do povo cearense através do voto livre, consciente e seguro.

Reforço de tropas federais

 

Além da Polícia Militar, 19 cidades do Ceará também vão receber reforço das tropas federais no dia das eleições.

A função das forças federais nas eleições é a de auxiliar em sua logística – como transportar urnas e garantir segurança em áreas mais tumultuadas, conforme previsto na Constituição.

As tropas federais vão atuar nas cidades de:

  • Fortaleza
  • Quixadá
  • Banabuiú
  • Choró
  • Ibaretama
  • Tauá
  • Parambu
  • Sobral
  • Alcântaras
  • Meruoca
  • Forquilha
  • Juazeiro do Norte
  • Caucaia
  • Pacajus
  • Chorozinho
  • Aquiraz
  • Horizonte
  • Itaitinga
  • Maracanaú

G1 CE

Compartilhe

Deixe um comentário