Ouvir Rádio: Rádio Senado Fale Conosco

Criador da Troller lamenta decisão da Ford de fechar fábricas no Brasil

0

decisão da Ford de encerrar a produção de veículos no mercado brasileiro surpreendeu funcionários da empresa e agentes do mercado nacional. Mas para Rogério Farias, criador da Troller, a informação representou tristeza pelo possível encerramento da fábrica de utilitários off-road instalada em Horizonte (CE).

“Eu lamento muito a decisão da Ford de parar as operações no Brasil. Mas não se pode fazer muita coisa. A gente tem de seguir em frente”, disse Farias.

“É uma pena muito grande porque é uma empresa que nasceu aqui. Na época que eu criei, era um sonho meu e serviu de exemplo no Brasil inteiro de pessoas que gostariam de fazer algo parecido. Foi um sonho que realizei, mas não temos culpa do que aconteceu com a Ford”, completou.

Relação com a marca

Fábrica da Troller/Ford em Horizonte mantém 470 empregados e colaboradores — Foto: Divulgação

Fábrica da Troller/Ford em Horizonte mantém 470 empregados e colaboradores — Foto: Divulgação

Rogério acabou se afastando da Troller depois que vendeu a própria participação da empresa para outro sócio em 200. A venda para Ford, conta, aconteceu anos depois, por decisão do antigo sócio.

Apesar de não ter mais relações diretas com a marca cearense, além da criação e dos primeiros modelos em 1995, Rogério Farias revelou o desejo de que outra empresa compre a unidade de produção em Horizonte para dar continuidade às operações.

“Eu espero que tenha alguém que queira recuperar e fazer a situação melhorar por lá. Esse carro, que foi criado de um sonho, já foi campeão mundial duas vezes de rali na Europa por dois anos consecutivos, competindo com o mundo inteiro”, revelou Farias.

“O Troller sempre ficou nas primeiras colocações representando o Brasil em competições como o rali Paris-Dakar”, lembrou.

Novo empreendimento

Ford anunciou o fechamento das três fábricas que mantinha no Brasil, uma delas em Taubaté, no interior de SP — Foto: Rogério Marques/Futura Press/Estadão Conteúdo

Ford anunciou o fechamento das três fábricas que mantinha no Brasil, uma delas em Taubaté, no interior de SP — Foto: Rogério Marques/Futura Press/Estadão Conteúdo

Hoje, Rogério Farias é proprietário de uma fábrica de elevadores industriais e de acessibilidade localizada na BR-116.

O contato com os funcionários da fábrica em Horizonte deixaram de ser constantes e o único momento em que ele se conecta à marca é nos passeios que faz nos fins de semana, ou ao dirigir o carro até o trabalho.

“Eu criei um carro que as pessoas se apaixonaram, e aí cada um viveu uma coisa boa diferente. Esses carros foram feitos com todo carinho e amor, e isso fez dar certo. Eu pensei em fazer esses carros imaginando que ia durar 10 anos, mas ele dura até hoje. Mas meu contato com ele, atualmente, é só quando eu saio para dirigir mesmo”, disse o criador do Troller.

Carros elétricos

Mesmo afastado do mundo da produção automobilística, Rogério Farias revelou que ainda tem planos de lançar um novo carro. Dessa vez, porém, a ideia seria desenvolver um modelo elétrico.

“Eu estou focado em outros projetos. E se eu fosse fazer um carro, eu faria um elétrico. Eu tenho algumas coisas já planejadas, mas o problema é que os investimentos são altos demais e eu não tenho condição de fazer isso sozinho agora”, contou.

Compartilhe

Deixe um comentário