Ouvir Rádio: Rádio Senado | Rádio Câmara Fale Conosco

Crise de energia na França faz luzes de Versalhes e Louvre serem apagadas mais cedo

0

Medida, simbólica, tem por objetivo conscientizar a população

Palácio de Versalhes e o Museu do Louvre vão apagar as luzes mais cedo para economizar energia. A medida, simbólica, tem por objetivo conscientizar a população sobre a crise de energia na França. As informações foram divulgadas pela ministra da Cultura, Rima Abdul Malak. A Torre Eiffel já havia adotado a mesma iniciativa nesta semana. “A partir da noite de sábado, 17, a pirâmide do Louvre será apagada às 23 horas em vez de 1 hora da manhã”, afirmou a ministra. “Vamos apagar a iluminação da fachada do Palácio de Versalhes às 22 horas, em vez das 23 horas da próxima semana”, acrescentou. De acordo com a ministra, os locais são importantes para conscientizar a população, embora a ação não seja o suficiente para acabar com a crise de energia. Além disso, Rima Abdul Malak solicitou ações concretas de transição ecológica em museus, cinemas, teatros e no “conjunto dos locais culturais da França”. Nesta semana, a prefeita da capital francesa, Anne Hidalgo, anunciou que a sede da Prefeitura de Paris, a Torre Eiffel, a Torre Santiago, além dos museus municipais e as prefeituras distritais não seriam iluminadas à noite, a partir de 23 de setembro, para combater a crise.

JOVEM PAN

Compartilhe

Deixe um comentário