Ouvir Rádio: Rádio Senado | Rádio Câmara Fale Conosco

Editais para concessão do Centro de Eventos, tancagem do Pecém e outros 3 projetos serão lançados neste ano, diz Camilo

0
Camilo Santana fala sobre o crescimento acima da média do PIB do Ceará

Camilo Santana fala sobre o crescimento acima da média do PIB do Ceará

O Governo do Ceará deve lançar, ainda neste ano, cinco editais para conceder à iniciativa privada a operação do Centro de Eventos, do parque de tancagem no Complexo Industrial e Portuário do Pecém (Cipp) e de outros três equipamentos públicos. O anúncio foi feito pelo governador Camilo Santana em entrevista ao G1 nesta terça-feira (20).

Os editais previstos pelo governador para serem lançados até dezembro fazem parte do Programa de Concessões e Parcerias Público-Privadas, que foi apresentado pelo Governo do Estado em agosto do ano passado para atrair parceiros para impulsionar obras e projetos. O programa engloba 10 projetos públicos que possuem grande potencial econômico, como: Centro de Eventos; Centro de Formação Olímpica; Acquario Ceará; Ceasa; Arena Castelão; Placas solares; Sistema metroviário (incluindo VLT Sobral, VLT Cariri, Linha Sul e VLT Parangaba-Mucuripe); Complexo Industrial e Portuário do Pecém (CIPP); Cinturão Digital; e Terrenos (incluindo Expoece, IPPOO I, Cavalaria e o antigo Centro de Convenções de Fortaleza).

“Vamos lançar agora o [edital de concessão]do Centro de Eventos e vamos lançar também o da tancagem do Porto do Pecém. E estamos trabalhando para lançar ainda neste ano dois ou três outros editais. Precisa de todo um estudo, avaliação e andamento burocrático, mas temos a intenção de lançar o máximo possível de editais ainda neste ano, em relação àquela lista de 10 concessões que o estado pretende realizar” afirmou.

Camilo Santana comentou também que o edital da usina de dessalinização de água do mar, que foi oficializado no mês de março, deve sofrer um atraso de pelo menos 45 dias. O projeto de estudos para implantação e operação da usina foi suspenso pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE).

“Lançamos o edital da dessalinização, que infelizmente teve um questionamento do Tribunal de Contas e precisou ser refeito. Foi relançado novamente, vai ter um atraso de 45 dias por conta disso”, ratificou Santana.

Crescimento do PIB

O governador afirmou também que o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) no Ceará, que fechou o primeiro trimestre de 2017 em 1,87% em relação ao quarto trimestre de 2016, é resultado de um esforço na estratégia política econômica. Segundo o Camilo, o Ceará é o estado que mais faz investimento público no país.

“Tivemos a abertura da siderúrgica que hoje já gera mais de 18 mil empregos diretos e indiretos no Ceará. A perspectiva é que continuemos crescendo até porque a Fraport, empresa alemã internacional vai assumir o aeroporto de Fortaleza, onde vão fazer um investimento de R$ 2 bilhões e vamos abrir um crescimento de número de voos para a capital cearense. Isso implica mais emprego para a população e a retomada do crescimento do estado”, projetou o governador.

Compartilhe

Deixe um comentário