Ouvir Rádio: Rádio Senado Fale Conosco

“Essa é a menor taxa de nossa história”, celebrou o presidente Bolsonaro no Twitter.

0

“Essa é a menor taxa de nossa história”, celebrou o presidente Bolsonaro no Twitter.

O Comitê de Política Monetária (Copom) decidiu, nesta quarta-feira (11), cortar a Selic em 0,5% pela quarta vez consecutiva, levando os juros para 4,5%, a menor taxa básica de juros da história.

Ao comunicar a decisão, o Banco Central apontou que vê a economia do Brasil ganhando força e que a “recuperação seguirá em ritmo gradual”.

“Dados de atividade econômica a partir do segundo trimestre indicam que o processo de recuperação da economia brasileira ganhou tração, em relação ao observado até o primeiro trimestre de 2019”, diz o texto, como noticiado pelo site InfoMoney.

Em mensagem no Twitter, o presidente da República, Jair Bolsonaro, disse que a nova taxa de juros é “suficientemente baixa para continuar impulsionando o crescimento do Brasil”.

“Com esses percentuais economizaremos, a título de juros, aproximadamente R$ 110 bilhões em 2020”, acrescentou Bolsonaro na rede social.

Jair M. Bolsonaro

@jairbolsonaro

– O Banco Central anuncia nova Taxa de Juros: 4,5%, suficientemente baixa para continuar impulsionando o crescimento do Brasil. Essa é a menor taxa de nossa história. Com esses percentuais economizaremos, a título de juros, aproximadamente R$ 110 bilhões em 2020.

10,1 mil pessoas estão falando sobre isso
Compartilhe

Deixe um comentário