Gleisi vai à posse de Maduro e é criticada até por Luciana Genro

0

Equipe Focus
focus@focus.jor.br

O chavista Nicolás Maduro tomou posse para o seu segundo mandato na Presidência da Venezuela. Sem reconhecimento da Assembleia Nacional, a cerimônia teve de ocorrer no Tribunal Supremo do país. Gleisi Hoffmann, presidente do PT, foi ao evento. Segundo a senadora e deputada eleita, em entrevista ao blog da Andréia Sadi, a ida tem “vários objetivos”, incluindo “marcar posição contra grosseira relação do governo Bolsonaro com a Venezuela”.

Não faltaram críticas, que vieram até da esquerda. No Twitter, Luciana Genro, fundadora do PSOL, disse que “só uma esquerda mofada p/apoiar o Maduro a uma altura destas”.

Compartilhe

Deixe um comentário