Ouvir Rádio: Rádio Senado | Rádio Câmara Fale Conosco

Hidrogênio Verde: Ceará assina memorando de entendimento com a AES Brasil

0

A produção deve girar em 1 Gigawatts (GW) de energia

Equipe Focus
focus@focus.jor.br

O Ceará assinou mais um memorando de entendimento para a implantação de uma usina de hidrogênio verde no Estado. A assinatura dos termos com o Governo estadual ocorreu nesta segunda, 13. É o 14º acordo de cooperação com empresas interessadas no insumo.

O acordo prevê o desenvolvimento de um projeto da cadeia produtiva do hidrogênio verde, incluindo a intenção de participação em pool de armazenamento de amônia e de utilidades a ser desenvolvido e implantado no futuro hub. A produção deve girar em 1 Gigawatts (GW) de energia.

O vice-presidente da AES Brasil, Ítalo Freitas, que teve a oportunidade de visitar o Complexo do Pecém, avaliou o potencial do Ceará para contribuir com o movimento de descarbonização da economia.

Segundo ele, o Ceará reúne as condições ideais para produzir hidrogênio a um custo competitivo. “O Estado do Ceará sai na frente com esse excelente projeto que é o Pecém e o hub de hidrogênio verde que está sendo instalado lá. E AES, como tem o seu valor ajudar nossos clientes a se descarbonizar através de energias renováveis, também quer estar nessa indústria do futuro, que é a indústria do hidrogênio verde”, assegurou.

A AES Brasil é uma das que mais apostam em energias limpas, atuando no mercado há mais de 20 anos.

Seu parque de energia conta com nove usinas hidrelétricas e três pequenas centrais hidrelétricas, quatro complexos eólicos e dois complexos solares..

Em 2020, a companhia comprou complexo eólico na divisa do Rio Grande do Norte com o Ceará. A empresa fechou a aquisição com 158,5 MW de potência instalada.

Compartilhe

Deixe um comentário