Ouvir Rádio: Rádio Senado | Rádio Câmara Fale Conosco

PF diz que Serra e fundador da Qualicorp estão no “topo de cadeia criminosa”

0

Equipe Focus
focus@focus.jor.br

Segundo a Polícia Federal, o senador José Serra (PSDB) e o fundador da Qualicorp, o empresário José Seripieri Filho, estão “no topo da cadeia criminosa”. A lista envolve supostos repasses ocultos de R$ 5 milhões para a campanha do tucano ao Senado, em 2014.

A Justiça Eleitoral determinou quatro mandados de prisão temporária e outros 15 de busca e apreensão. Dois imóveis que que estão ligados ao senador José Serra em São Paulo e seu gabinete e apartamento funcional em Brasília eram alvos de buscas.

Apesar disso, o Senado impediu as buscas da PF e acionou o Supremo Tribunal Federal, que expediu uma liminar impedindo a ação dos investigadores no gabinete.

o investigador responsável pela operação, Milton Fornazari, detalhou em coletiva de imprensa. “No topo da cadeia criminosa tem o acionista controlador [da Qualilcorp]e, no topo do político, temos o então candidato [José Serra]”.

De acordo com ele, “o acionista controlador [Seripieri] fornecia os números de contato dos intermediários do candidato, e o grupo encarregado de pagar entrava em contato [com o grupo de Serra]e fazia reunião para convergir sobre como os repasses seriam feitos”.

Compartilhe

Deixe um comentário