Ouvir Rádio: Rádio Senado | Rádio Câmara Fale Conosco

Prefeitura de Fortaleza vai cortar gastos e demitir terceirizados, diz prefeito

0

O prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, afirmou que deve cortar funcionários terceirizados e comissionados como medida econômica a partir de 2017. Ele diz ainda que a prefeitura vai economizar com gastos de custeios que podem ser reduzidos sem o comprometimento da máquina pública.

“Eu anunciei redução de terceirizados, de comissionados, de todas as ações de custeio que não comprometam os serviços públicos, tais como aluguel de carros, diárias, passagens aéreas e apoio a eventos. É um conjunto muito longo de medidas que, somadas, vão dar uma economia significativa às contas públicas”, afirmou.

De acordo com Roberto Cláudio, o objetivo da economia é garantir o funcionamento, principalmente, de três prioridades para o seu segundo mandato: “garantir de pagar servidor em dia; garantia de manter os serviços essenciais, principalmente saúde e educação com qualidade; manter o mesmo patamar de investimento desses últimos anos”.

Segundo detalhou o gestor, os investimentos no primeiro ano de seu segundo mandato serão instalação de luz branca na iluminação pública e reforma e melhorias em praças e avenidas.

As declarações do prefeito foram ditas nesta terça-feira (20), durante lançamento do estudo Relatório Anual de Acidente de Trânsito, feito em parceria entre a Prefeitura de Fortaleza e a Bloomberg Philantropies.

Corte de gastos do Governo do Estado
Na semana passada, o Governo do Estado do Ceará também havia anunciado um pacote de austeridade para amenizar os efeitos da crise econômica. Entre as ações estão redução de salário de secretários, demissão de terceirizados, aumento da alíquota de ICMS e aumento da contribuição para a Previdência Social do Estado.

G1
Compartilhe

Deixe um comentário