Veja repercussão do atentado terrorista em Barcelona

0

Por G1, São Paulo

Líderes europeus repudiam ataque e demonstram solidariedade à Espanha

Líderes europeus repudiam ataque e demonstram solidariedade à Espanha

O atentado terrorista que deixou ao menos 13 mortos e 100 feridos em Barcelona, nesta quinta-feira (17), gerou comoção de esportistas, famosos e autoridades pelo mundo. Entre as mensagens de apoio, estão publicações de Neymar, Ronaldinho Gaúcho, o presidente americano Donald Trump e o prefeito de Londres Sadiq Khan.

Neymar, jogador do PSG

“Oremos por Barcelona. Sem mais terrorismo”, disse Neymar, ex-jogador no Barcelona que acbou de se transferir ao PSG, no Instagram. ” Que Deus conforte todas as famílias… te amo, Barcelona”, completou.

Neymar fez homenagem à cidade de Barcelona (Foto: Reprodução / Instagram) Neymar fez homenagem à cidade de Barcelona (Foto: Reprodução / Instagram)

Neymar fez homenagem à cidade de Barcelona (Foto: Reprodução / Instagram)

Barack Obama, ex-presidente dos Estados Unidos

“Michele e eu estamos pensando nas vítimas e suas famílias em Barcelona. Americanos estarão sempre com nossos amigos espanhóis. Um abraço”, afirmou Obama.

Leonel Messi, jogador do Barcelona

“Quero mandar minhas condolências e apoio às famílias e amigos das vítimas do terrível atentado em nossa amada Barcelona, além de rechaçar totalmente qualquer ato de violência. Nós não vamos nos render, somos muito mais os que queremos viver em um mundo em paz, sem ódio e onde o respeito e a tolerância sejam as bases da convivência”, disse Messi.

Messi publicou mensagem de apoio à cidade de Barcelona (Foto: reprodução / Instagram) Messi publicou mensagem de apoio à cidade de Barcelona (Foto: reprodução / Instagram)

Messi publicou mensagem de apoio à cidade de Barcelona (Foto: reprodução / Instagram)

Ronaldinho Gaúcho, ex-jogador do Barcelona

“Triste demais ver as notícias que chegam de Barcelona. Meu apoio e solidariedade para as vítimas e famílias”, disse o ex-jogador do Barcelona.

Donald Trump, presidente dos EUA

Trump condena ataque na Espanha e diz que EUA farão tudo para ajudar

Trump condena ataque na Espanha e diz que EUA farão tudo para ajudar

“Os Estados Unidos condenam o ataque de terror em Barcelona, na espanha, e vão fazer o que for necessário para ajudar. Sejam fortes, nos te amamos”, falou Trump.

Sadiq Khan, prefeito de Londres

“Meus pensamentos estão com as vítimas deste bárbaro ataque terrorista na grande cidade de Barcelona e também com seus corajosos serviços de emergência”, comentou Khan.

Ada Colau, prefeita de Barcelona

“Barcelona, cidade de paz. O terro não conseguirá que deixemos de ser quem somos: cidade aberta ao mundo e solidária”, disse Ada Colau.

Rafael Nadal, tenista espanhol

“Destroçado pelo o que aconteceu em Barcelona! Todo meu apoio às famílias afetadas e à cidade”, publicou Nadal.

Emmanuel Macron, presidente da França

“Solideriedade com Barcelona. Estamos do seu lado”, comentou Macron.

Mariano Rajoy, presidente do governo espanhol

“Os terroristas nunca derrotaram um povo unido que ama a liberdade frente a barbárie. Toda a Espanha está com as vítimas e a família”, afirmou Rajoy.

Governo brasileiro

“O governo brasileiro deplora veementemente o ataque terrorista ocorrido na tarde desta quinta-feira, 17 de agosto, em Barcelona, que resultou em dezenas de feridos e vítimas fatais. O Brasil reitera sua condenação a todo e qualquer ato de terrorismo, qualquer que seja sua motivação, ao mesmo tempo em que expressa, consternado, seu sentimento de pesar às famílias das vítimas e estende votos de plena e rápida recuperação aos feridos.

Até o presente momento, não há registro de brasileiros entre as vítimas. O Consulado-Geral do Brasil em Barcelona seguirá monitorando de perto a situação”, disse o Itamaraty, em comunicado.

Michel Temer, presidente do Brasil

Cristiano Ronaldo, jogador do Real Madrid

FC Barcelona

“Porfundamente tristes com o ataque à nossa cidade. Todos nossos pensamentos com as vítimas, suas famílias e com o povo de Barcelona”, declarou o clube catalão.

Alejandro Sanz, cantor espanhol

“Minha querida Barcelona, hoje, mais do que nunca, estou ao seu lado”, desabafou Sanz.

Bebeto, ex-jogador da Seleção Brasileira

PSG, clube de futebol francês

Nicolás Maduro, presidente da Venezuela

“Venezuela se une a dor do povo de Barcelona e ao mundo ante brutal ataque terrorista, elevamos nossa orações pelas vítimas”, disse Maduro.

Compartilhe

Deixe um comentário