Ouvir Rádio: Rádio Senado Fale Conosco

Avanço nas atividades econômicas: PIB do Ceará cresce mais de 2%

0

O Produto Interno Bruto (PIB) do Ceará deve fechar o ano de 2019 com crescimento de 1,34%, após subir 2,08% no segundo trimestre deste ano, em comparação com o mesmo período do ano passado. Os resultados foram divulgados, ontem (19), pelo Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará (Ipece) e revelaram, de acordo com os analistas da entidade, que a atividade econômica cearense está voltando à normalidade após as instabilidades dos últimos anos.

De acordo com o coordenador de Contas Regionais do Ipece, Nicolino Trompieri, o crescimento para 2019 está ancorado não só pelo bom resultado do segundo trimestre, mas também pelas perspectivas para o segundo semestre, explicadas pela retomada do consumo das famílias. Essa retomada está sendo ajudada pela política macroeconômica dos saques do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). As famílias serão beneficiadas por uma fonte de renda extra que vai ajudar a reduzir o endividamento. Segundo ele, o consumo imediato com o FGTS tem sido um dos motivos para o o crescimento. As vendas de eletrodomésticos e automóveis cresceram e o setor da construção civil tem retomado o caminho positivo.

Indústria

Prejudicada pela crise econômica desde 2014, a indústria cearense cresceu 4,68% (no segundo trimestre), amparada pelos bons resultados da indústria de transformação (7,70%). O segmento obteve no último trimestre o melhor resultado desde 2013, segundo Witalo Paiva, analista de Políticas Públicas do Ipece.

Serviços

Depois da indústria, o setor de serviços também apresentou resultados positivos no segundo trimestre, com uma alta de 1,64%. Para Alexsandre Cavalcante, analista de Políticas Públicas do Ipece, o comércio foi o principal responsável pelos resultados do setor.

Agropecuária

Com o pior resultado entre os setores que compõem o PIB do Ceará, a agropecuária cresceu 0,95% no segundo trimestre em relação a igual período de 2018.

Ceará Agora

Compartilhe

Deixe um comentário