Ouvir Rádio: Rádio Senado Fale Conosco

UFC, IFCE e Uece devem manter atividades remotas após Governo do Estado prorrogar suspensão de aulas

0

Três das universidades públicas do Ceará optaram por manter as atividades de forma remota após o Governo do Estado prorrogar por mais 30 dias a suspensão de aulas das escolas e universidades das redes pública e privada como forma de evitar o contágio do novo coronavírus. A prorrogação foi divulgada nesta segunda-feira (30). De acordo com a decisão publicada no Diário Oficial do Estado, os estudantes devem retornar às salas de aula no dia 4 de maio.

O presidente do Sindicato dos Estabelecimentos Particulares de Ensino do Ceará (Sinepe), Airton Oliveira, destacou que as instituições de ensino superior podem adotar as sugestões de antecipação das férias entre 1º e 30 de abril ou 13 a 30 de abril.

“Nenhum aluno será prejudicado. As instituições estão com suas atividades customizadas e serão revistas quando retomar às aulas. Os conteúdos serão alinhados e as revisões serão feitas”, afirmou.

UFC

A suspensão de atividades presenciais na Universidade Federal do Ceará (UFC) já tinha sido prorrogada até o dia 9 de abril. Logo, atividades acadêmicas remotas, incluindo orientações, fóruns e aulas mediadas por tecnologia poderão continuar sendo realizadas no período, quando possível.

A Pró-Reitoria de Graduação da UFC (Prograd) deve promover alterações no calendário, permitindo que as coordenações dos cursos ajustem seu conteúdo programático, considerando a suspensão das atividades presenciais, garantindo as mesmas condições de ensino e aprendizagem aos alunos e seguindo o projeto pedagógico dos cursos

A UFC não informou se a decisão se estende até o dia 2 de maio, prazo que foi estabelecido pelo Governo do Estado. “A UFC está atenta ao cenário e tomará medidas em consonância com as diretrizes das autoridades sanitárias e visando, sempre, a preservação da saúde da comunidade acadêmica e da sociedade”, afirmou, em nota.

Uece

Após o decreto do Governo do Estado, as aulas da Universidade Estadual do Ceará (Uece) devem ser remotas nas disciplinas em que houver condições de acesso à internet e às tecnologias de informação e de comunicação durante todo o mês de abril.

“Quando não for possível e/ou adequado dar continuidade às aulas por meio do ensino remoto, estas serão repostas no mês subsequente ao período de suspensão das atividades presenciais. Por hora, a previsão é de que a reposição das aulas e de outras atividades que não tenham sido realizadas de forma remota, como estágios e defesas de trabalhos de conclusão de curso (TCC), ocorra no mês de maio, mês previsto para as férias ou recesso. Caso a suspensão seja prorrogada, a reposição dar-se-á sempre no mês subsequente”, explicou a universidade

Estudantes com disciplinas práticas ou de laboratórios, que não puderem ser realizadas remotamente não serão prejudicados, em vista que as atividades devem ser repostas, destacou a universidade.

O semestre letivo 2019.2 da Uece teve início em 2 de dezembro de 2019 – dessa forma, a maioria dos cursos de graduação cumpriram pelo menos 75% do conteúdo até a data inicial de suspensão das aulas.

IFCE

As atividades do Instituto Federal do Ceará (IFCE) estão suspensas até esta sexta-feira (3), quando será realizada uma nova reunião do comitê de enfrentamento ao coronavírus para reavaliar a situação. “O IFCE vai conversar com outras entidades através do Conselho de Reitores das Universidades Cearenses (CRUC), para chegar a uma decisão coletiva de todas as instituições de ensino superior do Estado do Ceará, haja vista que a instituição está buscando alinhar uma decisão conjunta com todas as instituições de ensino, levando em conta os decretos do Governo do Estado”, ressaltou em nota.

Nesta quarta-feira (1º), o comitê deve se reunir com o Colegiado de Dirigentes do IFCE para discutir medidas que devem ser adotadas para minimizar os prejuízos aos alunos.

Coronavírus no Ceará

O Ceará registrou mais uma morte por novo coronavírus e passa a ter o total de oito óbitos causados pela Covid-19, de acordo com balanço do Ministério da Saúde, divulgado na tarde desta quarta-feira (1º). O número de pessoas infectadas pelo novo coronavírus aumentou para 444 no estado, segundo a pasta.

O Ceará é o 3º estado do Brasil com o maior número de casos confirmados de Covid-19, ficando atrás apenas de São Paulo (2.981) e Rio de Janeiro (832).

Número de casos de coronavírus no Ceará por dia
3399111120202424686884841251251641641851852112112382382822823223223593593823824014010000000000003333445555/77Casos confirmadosMortes confirmadas15/0316/0317/0318/0319/0320/0321/0322/0323/0324/0325/0326/0327/0328/0329/0330/0331/030100200300400500

25/03
● Mortes confirmadas: 0
Fonte: Sesa/G1
Compartilhe

Deixe um comentário